• Afrwns

Temenos se expandirá para a África Ocidental para atingir bancos francófonos

O provedor de software bancário Temenos planeja abrir um escritório na Costa do Marfim ou no Senegal para atingir clientes francofones.



Há "absolutamente" um pipeline de demanda de bancos em países de língua francesa, diz Alexandre Menage, diretor-gerente da Temenos para a África, da Cidade do Cabo. O plano é abrir o escritório "em um futuro muito próximo", mas nenhuma decisão final foi tomada, diz ele.



A pandemia COVID-19 transformou o software baseado em nuvem de um "bom ter" extra para um "deve ter", diz Menage. Cloud significa que as ofertas de banco digital podem ser mantidas sem o risco de infraestrutura, como a falha de data centers, acrescenta.


Temenos, que negocia na bolsa suíça, reivindica 3.000 clientes globalmente, incluindo 41 dos 50 maiores bancos do mundo. A empresa tem 160 clientes na África, a maioria em países de língua inglesa. Menage espera que um equilíbrio entre clientes de língua inglesa e francesa seja alcançado em breve. O plano é abrir o novo escritório e, em seguida, aumentar gradualmente o número de pessoas. "A demanda justifica isso. Era apenas uma questão de tempo.


O Orange Bank é cliente da Temenos na África Ocidental desde o final de 2019. O banco entrou ao vivo com uma solução temenos em julho. Os clientes africanos também incluem o Sombank, um banco islâmico na Somália, o Assaray Trade and Investment Bankda Líbia, e barko, uma instituição de microfinanças na África do Sul.


Orange Bank
Orange Bank

O uso de software baseado em nuvem permite que os bancos gastem mais dinheiro em inovação do que em manter infraestruturas herdadas, diz Menage. A Temenos mantém seus próprios custos baixos, confiando em sistemas de clientes para implementar software. Isso permite que a empresa reinvista 20% da receita global em novos produtos.


Segurança, Regulação


A computação em nuvem oferece serviços como aplicativos e poder de processamento via Internet. As empresas que fornecem serviços em Nuvem têm fortes economias potenciais de escala se puderem fornecer os mesmos produtos para muitos clientes. Os clientes pagam apenas pelo que usam e, portanto, reduzem os custos reduzindo a infraestrutura de TI que precisa ser mantida.


Isso parece uma solução tentadora para os bancos africanos, que têm relações custo-renda maiores do que seus pares internacionais. De acordo com um relatório da Genesis Analytics e orange Business Services,a relação custo-renda média para os cinco melhores bancos africanos é de 56%, enquanto a média entre os cinco melhores bancos internacionais é de 43%. E os bancos africanos, que mesmo quando podem abrir suas portas, ainda têm as redes de filiais mais esparsas do mundo, com apenas cinco filiais por 100.000 adultos.


Mas a segurança na nuvem ainda tem um longo caminho a percorrer. De acordo com o The State of Cloud Security 2020 publicado pela Sophos, África do Sul e Japão têm o maior número mundial de credenciais de conta de provedores de nuvem roubadas. A Nigéria, por sua vez, tem a segunda maior taxa de usuários do mundo, tendo sofrido incidentes de segurança na nuvem pública no último ano, em 86% contra os 93% da Índia.



  • O relatório Genesis-Orange argumenta que a segurança e a conformidade são grandes barreiras à adoção de nuvem para bancos africanos.

  • Os bancos que usam o Cloud desistem do controle ao provedor por uma série de problemas de segurança, diz o relatório.

  • Eles também podem enfrentar o risco de serem trancados se dependerem de um único provedor.

Os ambientes em nuvem são vulneráveis a ataques, tanto externamente quanto de dentro do provedor Cloud, se um insider abusar de sua posição para acessar dados de clientes.


  • É difícil para os bancos monitorar se os provedores de Nuvem estão em conformidade com a legislação de proteção de dados.

  • Os reguladores têm preocupações com a segurança dos dados armazenados no Clouds e sua capacidade de acessar e proteger esses dados.

  • Os provedores de serviços financeiros também precisam mostrar que podem garantir a continuidade do serviço se houver falhas na Nuvem.




Fonte: TheAfricaReport

Posts recentes

Ver tudo
 
Caneca Oficial

Caneca Oficial

R$ 44,90Preço
Camiseta Oficial

Camiseta Oficial

R$ 39,90Preço
Caneca Personalizada

Caneca Personalizada

R$ 49,90Preço